Estado de São Paulo Transparência ALESP

Distribuição da População, segundo Grupos do Índice Paulista de Vulnerabilidade Social-IPVS

Estado de São Paulo - 2010

Conheça também:

IPVS: Índice Paulista de Vulnerabilidade Social
ampliar mapa

Vulnerabilidade (IPVS)

Assembleia Legislativa

O Estado de São Paulo, especialmente nos grandes centros urbanos, apresenta enormes desigualdades sociais, com áreas de alto padrão de qualidade de vida e outras de extrema miséria. Um crescimento econômico que não foi capaz de estender seus benefícios a grandes parcelas da população tem sido o modelo em nossa história.

É necessário que o poder público tenha em mãos dados precisos e confiáveis para desenvolver políticas públicas específicas para as comunidades mais vulneráveis. O Índice Paulista de Responsabilidade Social (IPRS) fornece muitos dados sobre o desempenho econômico e social dos municípios, mas não contempla integralmente a questão da desigualdade dentro deles e a situação das suas áreas de concentração de pobreza. Para suprir essas lacunas de informação, foi criado o Índice Paulista de Vulnerabilidade Social (IPVS), o qual leva em conta a complexidade do fenômeno.

Examinar as condições de vida da população exige ter informação não apenas sobre a renda, mas também sobre a escolaridade, a saúde, as condições de inserção no mercado de trabalho, o acesso aos serviços prestados pelo Estado e as oportunidades de mobilidade social. Enfim, a qualidade de vida é um fenômeno com diversas determinações, as quais devem se levadas em conta para construir políticas públicas visando uma vida mais digna para todos.

A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, com esse importante estudo da Fundação Seade, espera contribuir para o desenvolvimento mais justo de nosso Estado, ao apresentar os dados atualizados do Índice Paulista de Vulnerabilidade Social (IPVS). Os gestores públicos municipais têm aqui, como ferramenta para planejar suas ações, um melhor diagnóstico das comunidades mais vulneráveis das suas cidades. E é certo que a atuação do poder público nesses territórios vulneráveis é fundamental tanto para a distribuição mais equitativa de bens e serviços públicos quanto para o desenvolvimento de ações que contribuam para romper o ciclo da pobreza

Deputado Barros Munhoz
Presidente da Assembleia Legislativa



Download em PDF     Download em PDF     Versão para Impressão